, , ,

Manaus recebe terceira mostra de Direitos Humanos LGBT

Nunca é demais colocar em destaque os Direitos Humanos e, claro, o direito de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT). Foi pensando nisso, que o amazonense Fran Martins criou a Mostra DH LGBT que, agora, chega a sua terceira edição, a partir desta quarta-feira, dia 16 e segue até o dia 7 de setembro, com direito a ações em Iranduba e Tabatinga.

Fran, juntamente com inúmeros artistas, produtores culturais e militantes da causa LGBT, abordarão o tema por meio da dança, teatro, música, performance, intervenção, oficinas, debates, palestras e cinema. A abertura está marcada para as 19h, de quarta, no Les Artistes Café Teatro (Avenida Sete de Setembro, 377, Centro).

Segundo relatório do Grupo Gay da Bahia (GGB), a cada 25 horas um LGBT é barbaramente assassinado vítima da ‘LGBTfobia, o que faz do Brasil o campeão mundial de crimes contra as minorias sexuais. Tais mortes cresceram assustadoramente nos últimos anos. Para se ter uma ideia, de 130 homicídio, em 2000 houve um salto para 260, em 2010 e para 343, em 2016. Algo alarmante e que precisa sim, se discutido dentro de escolas e universidades de forma clara e aberta.

Os dados da pesquisa mostram, ainda, que os estados que notificam o maior número de LGBT assassinados, em termos absolutos, foram São Paulo (49 homicídios), Bahia (32), Rio de Janeiro (30) e Amazonas (28). Sendo que, com esse número, o Estado teve quase que o dobro de assassinatos de outros lugares do Brasil como: Para e Rio Grande do Sul, por exemplo, onde a população chega a ser quase três vezes maior.

Portanto, nada mais justo do que reservar um tempinho na sua agenda e dar um ‘pulo’ em algumas das ações que serão realizadas na capital ou, quem sabe, no interior. Abaixo, segue a programação completinha, ok? Quero ver vocês por lá! Até

PROGRAMAÇÃO DA MOSTRA DH LGBT

  • Quarta-feira, dia 16

Abertura da 3a Mostra de Direitos Humanos LGBT, às 19h, no Les Artistes Café Teatro

  • Quinta-feira, dia 17

Encontro às 14h, no Instituto Federal de Educação do Amazonas (Ifam), na Zona Leste

  • Segunda-feira, dia 21

Encontro, das 13h às 19h, na Universidade do Estado do Amazonas (Ufam), em Iranduba

  • Terça-feira, dia 22

Encontro, das 8h às 16h20, no Auditório da Escola Estadual Isaias Vasconcelos, em Iranduba

  • Quarta-feira, dia 23

Encontro, das 16h às 19h, na Escola Superior de Artes e Turismo, na Praça 14

 

  • Quinta-feira, dia 24

Encontro, das 16h às 19h, na Escola Superior de Ciências da Saúde, na Cachoeirinha

  • Sexta-feira, dia 25

Encerramento, às 19h, com apresentação de várias formas de performances LGBT (local a ser definido)

 

  • Sexta-feira (1º) a quinta-feira (7), em Tabatinga
0 respostas

Deixe uma Resposta

Quer entrar no debate?
Fique à vontade para contribuir respeitosamente com o bate papo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.